Econometrarquitetura

O livro e o cálculo
Tênue vácuo infinitesimal
Fogo morto, sangue nativo
Páscoa divina, metamorfose
A laje que pousa sobre o vazio
Os limites, convergem pras acácias
As línguas em sangue
Pulsam e pulam disformes
Dançam sobre as bocas
Valsas, oboés e coros
No couro que se junta
Peles que roçam
Fontes que jorram
Bocas que se engolem
Nudez que se mistura
Arte e música
Derivadas e indicadores
Pulsos em transe
Almas em pilotis
Erguidas por cabos e cabos!
Quadros, livros e gráficos
Carnes tremulando sobre a cama
Misturadas, próximas, fundidas
Na noite eterna do gozo
Do orgasmo que se repete
Da proximidade que se serve
Dos gemidos contidos no travesseiro…

Anúncios

10 pensamentos sobre “Econometrarquitetura

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s