Um Pequeno Poema pra Mamy




Fixo o verso
Finda o válido olhar
Na flauta augusta do amor materno
Faz a cor noturna
Faz a chama ardente
E vive a flor da imagem Santa
Na flauta augusta do amor materno

Línguas, brincos
Violoncelos
Flautas e tamborins
No nascimento do Semi-homem
Deseperado pela corrida
De uma vida inevitável
Na flauta augusta do amor materno

Escrito ao som de Stravinsk
***************************************

Não sei se vocês já notaram, mas eu sou um fã incondicional do Monet. Sempre pinta um quadro dele por aqui. Este se chama Jovem Mãe…

Anúncios

6 pensamentos sobre “Um Pequeno Poema pra Mamy

  1. Estava fazendo minhas visitas matinais e lembrei-me: Agora é o meu poeta. O poema é lindo, a imagem belíssima e você… você é tudo de bom!!!!
    Um beijão enorme , do tamanho do meu carinho por você.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s