4 pensamentos sobre “Poética

  1. querido, tb sou defensor da poesia marginal, dessa, digamos “democratização”, defendo o verso livre, a mão livre do poeta na feitura diária da poesia. defendo a liberdade como estilo básico, fodam-se regras, cercas, barreiras. porém, uma ressalva à qualidade do que se faz com sua liberdade, pq a poesia é instrumento transformador cultural, e o bom poeta deve saber disso, saber onde vai parar o efeito da sua obra, e por isso, defendo liberdade com qualidade,. sempre. fuga do lugar-comum, poesia num universo “unclichê”.

    parabéns, querido!

    []´s

  2. Eu queria poder ouvir o som que acompanha a sua poética… a sua poesia fragmentada, cantada e assim acompanhada tambores ou flautas por você aí no planalto.

    Achei um tanto intelectual este post, mas entendi que fazer poesia em Brasília não deve ser prá qualquer um não! Rsssss….

    beijo
    😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s